Você sabe calcular os lucros no buffet?

Você sabe calcular os lucros no buffet?

Calcular os lucros está entre as atividades mais relevantes para que os serviços prestados agreguem valor ao seu público-alvo e sem que, com isso, prejuízos se acumulem.

Afinal de contas, todo empreendedor deve se equilibrar em diferenciais competitivos, mas que gerem renda ao final de cada atendimento realizado. E é aí que um bom conhecimento na área financeira garante resultados expressivos para o seu negócio.

Para dar um primeiro empurrão na direção do sucesso do seu empreendimento, neste post vamos explicar um passo a passo objetivo e prático para você aprender como calcular os lucros no seu buffet. Confira!

Como calcular os lucros no buffet

A seguir, algumas indicações para aprimorar o ajuste de preços, agregando competitividade e lucros contínuos para a sua empresa:

Comece entendendo quais são seus custos de produção

Antes de precificar qualquer coisa, é importante que você saiba quais são os custos relacionados à prestação de um serviço em seu buffet.

Por exemplo: festas para 50, 100 ou 200 pessoas demandam necessidades — e custos — diferentes. E isso inclui:

  • mão de obra;
  • matéria-prima;
  • gastos fixos, como o aluguel do seu espaço e as contas (luz e água, por exemplo).

Assim, você sabe inicialmente por onde se nortear para calcular os lucros do seu buffet e otimizar a conversão em vendas.

Estipule a margem de lucro para o buffet

Com os custos em mãos, você tem que avaliar qual é a margem de lucro do seu negócio. Pense que as despesas devem ser supridas, ao longo dos meses, e que o seu negócio deve acumular um capital de giro para nunca ficar no vermelho.

Não pense, inicialmente, em lucros exorbitantes, mas precise o suficiente para que o seu negócio permaneça em contínuo desenvolvimento.

Pesquise a concorrência

É importante observar também quais são os preços praticados pelos seus concorrentes. Assim, ao calcular os lucros, você tem em mente a margem de lucro que os outros buffets praticam, e consegue propor opções diferenciadas para atrair o seu público-alvo e garantir uma gestão do buffet mais alinhada ao mercado.

Analise o perfil do seu público-alvo

Não adianta ter um serviço exclusivo, com produtos diferenciados, se eles não fazem parte da realidade do seu consumidor. Assim, calcular os lucros consiste também em pesquisar quem é, verdadeiramente, o perfil dos seus clientes.

Como resultado, você vai saber onde — e como — investir para gerar encantamentos a um preço acessível, justo e que você ainda obtenha lucro ao término do evento.

Conheça os Inimigos da sua lucratividade

Além de calcular os lucros, você deve entender que existem desafios e obstáculos que vão interpelar o seu caminho.

Abaixo, alguns dos principais para você saber como driblá-los e gerar lucratividade ao seu negócio:

  • baixa demanda, sendo um desafio e tanto em épocas de crise no país ou sazonais mesmo. Por isso, a importância de um capital de giro e o planejamento financeiro em médio prazo também, fazendo com que você tenha uma reserva para esses períodos;
  • custos variáveis, como a manutenção de equipamentos, a gestão de pessoas e eventuais investimentos imprevistos, que prejudicam a saúde financeira do seu negócio. Planeje-se contra eles e tenha um fundo para evitar que sua lucratividade seja reduzida por isso;
  • falta de atenção à demanda do seu público, que é, basicamente , a ausência de um esforço em gerar melhorias no seu buffet. Faça pesquisas de satisfação, peça feedbacks e ouça o seu consumidor. Assim, você vai saber como calcular lucros já prevendo alternativas para melhorar ainda mais a gestão do buffet.

E então, aprendeu um pouco mais sobre como calcular os lucros no buffet? Quer saber de outras dicas para qualificar ainda mais os seus serviços e produtos? Então, continue navegando em nosso blog em busca de mais sugestões para você!

Deixe seu comentário

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
YouTube
Instagram